Portal de LifeStyle para Homens. Tudo o que precisas de saber sobre moda, relacionamentos amorosos, carreira e desporto para triunfar no mundo.

.Arquivos

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

.tags

. todas as tags

Quinta-feira, 17 de Outubro de 2013

As lições de John Lennon !

http://www.fanpop.com/clubs/john-lennon/images/29017764/title/john-lennon-wallpaper

 

Nos seus demasiado breves 40 anos, John Lennon ensinou ao mundo inúmeras lições. Além de ser um cantor de classe mundial, compositor e músico, Lennon foi também um autor publicado, artista, activista político e defensor da paz mundial. Então, é lógico que ele possa saber um pouco sobre as relações interpessoais, correto?

 

Bem, mais ou menos.

Lennon foi de facto o primeiro Beatle a casar e o primeiro Beatle a ser pai; no lado oposto, John foi também o primeiro Beatle a divorciar-se e o primeiro Beatle a casar-se novamente. Mas, mesmo depois de ter encontrado a sua alma gémea com a segunda esposa, Yoko Ono, houve problemas.

 

Ao celebrarmos o ano em que John Lennon teria completado 70 anos, vamos dar uma olhadela em algumas lições que podemos aprender com a sua vida, sobre como equilibrar a amizade e um relacionamento.

 

1 - Mantenha-a longe de actividades masculinas em grupo

Quando Lennon e Yoko Ono se tornaram um ícone em 1968, foi o início não só de um relacionamento romântico, mas uma espécie de simbiose. Yoko introduziu John no mundo da arte avant-garde e – Deus nos ajude – Lennon começou a envolver Yoko na música pop. (Quantos de vocês sabem que Yoko cantou no White Album dos Beatles? Sim, é verdade.)

 

Durante as sessões de gravação dos Beatles, em 1969, Ono estava tão envolvida que se tornou companheira constante de John no estúdio, o que desagradou severamente aos outros Beatles, particularmente quando ela começou a dar aconselhamento musical. Mesmo que algumas das músicas mais revolucionárias de Lennon tenham sido gravadas e lançadas durante os primeiros tempos da era “Yoko” – incluindo I Want You (She’s So Heavy), Come Together e Revolution – os danos à camaradagem do grupo eram evidentes. [Não foi à toa que Paul McCartney olhou para Yoko no estúdio enquanto cantava Get back to where you once belonged ("Volta para onde era o teu lugar", como John disse uma vez numa entrevista.]

 

Portanto, rapazes, a lição a ser aprendida aqui é esta: se você está a pensar convidar a sua namorada para uns jogos de poker à sexta-feira à noite – pense duas vezes!

 

2 - Agende regularmente “programas de homens”

Em 1973, Lennon e Ono estavam cansados da união constante e afastaram-se, o que levou Lennon a deixar a casa de ambos em NYC (a pedido de Ono) e mudar a sua residência para Los Angeles com a assistente da indústria musical May Pang. Nos anos posteriores, Lennon referiu-se a este período da sua vida como “o fim de semana perdido”, uma vez que andava sempre em grandes festas com os amigos, com colegas músicos como Keith Moon, Harry Nilsson, Micky Dolenz e Ringo Starr.

 

Durante este período, as histórias de mau comportamento de Lennon em LA tornaram-se rapidamente infames, Yoko acreditava que estava a manter o seu relacionamento, permitindo que John levasse uma vida boémia com os amigos. (Uma dica: Se estiver a preparar-se para uma vida boémia, tente não ser expulso de uma discoteca por ter um produto de higiene feminina na sua testa, como Lennon fez em Los Angeles.)

 

Tome nota: prepare “programas só para homens” com os seus amigos numa base regular – ver um jogo de futebol ou ir beber umas cervejas. Seja qual for o programa, isso diminui as hipóteses de fazer disparates durante uma saída à noite (e não é a compra de produtos de higiene feminina que vai ajudar nesse sentido).

  
3- Não renegue os seus compromissos anteriores

A relação de John Lennon com Yoko Ono tinha-o consumido tanto que as relações dele com os outros membros da banda (e com a maioria das outras pessoas) estavam a desmoronar-se em 1969. John e Yoko foram lançando álbuns experimentais em conjunto (um prémio para quem conseguir sentar-se a ouvir um deles, sem fugir da sala aos gritos), foram fazendo campanha pela paz juntos e ficando presos juntos – sabe como é, as coisas normais de namorado/namorada.

 

Enquanto isso, os amigos do Beatle John estavam pacientemente à espera que ele regressasse ao rebanho, mas numa reunião da banda em 1969, quando Paul McCartney trouxe ideias para o próximo projecto dos Beatles, Lennon disparou de volta: “Eu acho que tu és maluco. Quero o divórcio”. Esta declaração efectivamente pôs fim à banda, embora a separação não tenha sido oficializada até ao ano seguinte. Esta série de eventos começou o boato “a Yoko separou os Beatles”, que permanece até hoje.

 

A lição aqui (além do facto que ninguém quer ouvir as suas desastradas experiências musicais feitas com a sua namorada) é que não faz bem nenhum deixar de parte todos os seus compromissos, planos e principalmente amigos só para estar com a sua namorada. Toda a gente vai ressentir-se, e tu vais ficar incomodado com eles e, no final, existem boas hipóteses de seres tu a ressentir pelas más escolhas.

 

4- Não tome os seus amigos por garantidos

Em 1969, John escreveu uma música autobiográfica sobre o seu casamento com Yoko, a sua lua-de-mel e algumas das suas travessuras publicitárias para promover a paz, intitulada The Ballad of John and Yoko. Ele queria gravá-la com os outros Beatles o mais rápido possível, mas George e Ringo encontravam-se ambos fora da cidade e estavam indisponíveis. Isso deteve John? Não. Numa corrida para lançar o single nas lojas, Lennon arrastou McCartney para o estúdio e insistiu que gravassem a música em dueto (apesar de ter sido anunciada como um disco dos Beatles).

 

Mesmo que o resultado final tenha sido o single #1 dos Beatles na Inglaterra, George e Ringo sentiram-se menosprezados pelas acções egocêntricas de John. No que deve ter parecido o movimento mais cru de todos, Yoko Ono apareceu com toda a banda na foto que serviu de capa ao disco. Então, vamos ver: duas das pessoas retratadas nem sequer tocam na canção, e foram apanhados a posar para a fotografia com alguém que não estava na banda, e de quem três quartos da banda não gostava. Upsss!

 

A principal lição a reter a partir deste cenário é: nunca tome os seus amigos por garantidos; mais uma vez, só estás a pedir ressentimento e mágoas.

 

Fonte: homemmoderno

 

publicado por Moda Masculina & LifeStyle às 19:45
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De paulomirpuri a 26 de Março de 2015 às 09:53
Muito bom e completo o artigo. Grande Lennon.

Comentar post






.Pesquisar neste blog

 

.Setembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.Facebook

.Musa MML 15

Micaela Miranda
Musa MML
Entrevista exclusica ao Moda Masculina & LifeStyle AQUI!

.Posts recentes

. Vogue Fashion's Night Out...

. Quer ter uma pele com men...

. Yohji Yamamoto apresenta ...

. Peter Lindbergh junta íco...

. Como combinar as cores !

. Vítimas da moda ou identi...

. Cortes de cabelo masculin...

. Tendências Outono/Inverno...

. 10 Tendências que não pod...

. Óculos: Como os escolher ...

. 5 tendências que vão fica...

. Inspira-te !!

. As lições de John Lennon ...

. Estilo Retro com Varsity ...

. Cores Neutras na Moda Mas...

. MODA LISBOA 13/14: NUNO G...

. MODA LISBOA 13/14: MIGUEL...

. MODA LISBOA 13/14: DINO A...

. MODA LISBOA EM DIRECTO

. Moda Lisboa Ever.Now come...

. Olívia Ortiz na Maxim !

. ModaLisboa volta a ter Sa...

. Scarlett Johansson: A mul...

. Inspira-te !!

. Porque adoramos as cheerl...

. Burberry Brit Rhythm for ...

. Calendário Pirelli comemo...

. Os 8 inconvenientes do re...

. RN5: Usa o elogio para te...

. As tendências primavera/v...

.Filmes em Destaque:

.Agora no Ipad